Acompanhe o julgamento que pode impedir a prisão de Lula após condenação em 2ª instância



O Supremo Tribunal Federal (STF)  julga o pedido de habeas corpus apresentado pela defesa do ex-presidente Lula, que foi condenado a 12 anos e 1 mês de prisão, na segunda instância da Justiça Federal, em janeiro.
O objetivo é permitir que o petista permaneça em liberdade até que sejam esgotadas todas as instâncias judiciais do processo. Se o recurso for aceito, o caso poderá se arrastar por anos, e Lula continuará, assim, fazendo campanha eleitoral, apesar do risco de ter a candidatura barrada pela Lei da Ficha Limpa, em agosto. Se for rejeitado, ele pode ser preso para cumprir a pena.
Tanto para determinar a prisão quanto para conceder o habeas corpus serão necessários os votos de pelo menos 6 dos 11 ministros do STF.

A ordem de votação dos ministros será a seguinte:
  1. Edson Fachin (relator)
  2. Alexandre de Moraes
  3. Luís Roberto Barroso
  4. Rosa Weber
  5. Luiz Fux
  6. Dias Toffoli
  7. Ricardo Lewandowski
  8. Gilmar Mendes
  9. Marco Aurélio Mello
  10. Celso de Mello
  11. Cármen Lúcia (presidente)
Cadernos:
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget