Dnocs sem dinheiro para manutenção de açudes

Dos 66 açudes que o Dnocs administra aqui no Ceará 33 estão correndo risco. Esta informação foi transmitida durante uma reunião da Câmara Temática de Água da Adece por uma engenheira do próprio Dnocs.
A reunião tratava sobre a inclusão dos recursos hídricos no “Ceará 2050”, o plano estratégico de longo prazo que o Governo do Estado promete lançar em novembro deste ano para ser executado a partir de 2019.
De acordo com a engenheira, o Dnocs enfrenta uma grave crise financeira, razão pela qual não tem dinheiro para fazer a manutenção dos seus açudes.
A mesma engenheira fez, ainda, uma pergunta recorrente: a quem interessa o fim do Dnocs?
O que o blog pode dizer sobre o assunto é o seguinte: o Dnocs perdeu seus grandes quadros da engenharia de barragens e também os da área de pesquisas ictiológicas. Não houve concurso para renovar o time de engenheiros e pesquisadores.
Hoje, com o quadro de pessoal reduzido e enfrentando a falta de dinheiro, o Dnocs é quase um morto vivo.

Blog do Egídio Serpa
Cadernos:

Postar um comentário

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget