Mortes por H1N1 chegam a 32 no Ceará

Aumentou para 32 o número de pessoas mortas em decorrência do vírus Influenza A (H1N1) no Ceará, de acordo com boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira (18) pela Sacretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Somente neste mês de maio, o número de óbitos registrados foi de 21. 
Ao todo, foram confirmados 185 casos do subtipo no Estado (94 somente neste mês). Considerando todos os casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), foram 237 casos confirmados, sendo 13 de H3, 10 de A não subtipado e 29 de B.
Além dos 32 mortos em decorrência da Influenza H1N1, 1 morreu por H3, 2 por influenza A não subtipado e 4 por influenza B. Quase 54% dos acometidos foram homens e, nas mulheres, o percentual foi de 46%. Boa parte das pessoas que morreram tinham idade superior a 50 anos.
A maioria dos mortos são de Fortaleza (17 casos) e Região Metropolitana. No Eusébio, foram seis pessoas morreram por SRAG. Entretanto, os dados de confirmações não quer dizer necessariamente que os casos tenham ocorridos no mesmo mês, mas que foram verificados no período.

Diário do Nordeste
Cadernos:

Postar um comentário

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget