Configuração final do mata-mata da Copa da Rússia define 4 campeões mundiais em uma mesma chave

Página virada na Copa do Mundo da Rússia. Passadas as emoções da fase de grupos, que ficou marcada pela desclassificação da atual campeã Alemanha, chega o momento dos confrontos únicos e eliminatórios, a começar pelas de oitavas de final.
Nela, 16 seleções continuam vivas pelo sonho do título mundial. Ao todo, são 10 europeus (Portugal, Espanha, Rússia, Dinamarca, França, Croácia, Suíça, Suécia, Inglaterra e Bélgica) quatro sul-americanos (Brasil, Uruguai, Argentina e Colômbia), um da América do Norte (México) e um asiático (Japão). O continente africano, que tinha Senegal, Egito, Nigéria, Tunísia e Marrocos, não conseguiu classificar nenhuma equipe para a próxima fase.
O chaveamento das oitavas ainda traz alguns dados curiosos. De um lado estão quatro campeões mundiais (Brasil, Uruguai, Argentina e França). Do outro, apenas dois (Inglaterra e Espanha). Levando em conta a classificação no ranking da Fifa, Japão e a anfitriã Rússia aparecem como surpresas nesta etapa do Mundial.
A expectativa por grandes jogos é das melhores. A começar pelo duelo deste sábado, às 11 horas (de Brasília) entre França e Argentina, que define o primeiro classificado para a fase seguinte (quartas de final). As duas equipes tiveram desempenhos diferentes na fase de grupos. Enquanto a França garantiu a classificação de forma antecipada e apenas administrou o resultado contra a Dinamarca para assegurar a 1ª colocação, a Argentina de Lionel Messi sofreu até os últimos minutos do terceiro jogo, contra a Nigéria, para garantir a vaga.
Já a outra partida do sábado, às 15 horas, será entre o bicampeão do mundo Uruguai, que teve 100% de aproveitamento em seu grupo (A) e a seleção portuguesa, do craque Cristiano Ronaldo.
No dia seguinte, os donos da casa (Rússia) tentam surpreender a favorita Espanha, às 11 horas. Mais tarde, Croácia e Dinamarca travam o segundo duelo europeu das oitavas.

Dia D
A Seleção Brasileira entra em campo na segunda-feira, às 11 horas, para enfrentar o México. Na história das Copas, as duas equipes se encontraram pela última vez em2014, quando o jogo terminou empatado sem gols, ainda na fase de grupos.
No mesmo dia, Japão e Bélgica se enfrentam às 15 horas, enquanto Suécia e Suíça, além de Colômbia e Inglaterra fecham as oitavas na terça-feira (3), também às 11 horas da manhã e às 15 horas, respectivamente.
A sorte está lançada. No entanto, o mais importante e necessário é ter competência e os nervos sob controle, para assim conseguir a tão sonhada classificação para a fase seguinte.
Cadernos:
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget