Categoria não aceita proposta da Prefeitura de Hidrolândia de reajuste salarial

Os professores municipais de ensino participaram de uma Assembleia Geral Extraordinário para discutir a proposta da Prefeitura de Hidrolândia, sobre o reajuste salarial de 2%. A reunião foi realizada na tarde da última quinta-feira (02), no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Hidrolândia (SINDSERM).
A principal pauta foi o reajuste salarial da categoria. A gestão municipal apresentou uma proposta de 2%, sem negociação alguma com os professores para chegar a esse valor. O assunto foi amplamente debatido na Assembleia Geral Extraordinário e como encaminhamento, a categoria decidiu devolver a proposta, rejeitando o percentual.
A categoria marcou uma nova reunião para a manhã deste sábado (04), onde será discutida uma possível greve da categoria.

Hidrolândia 24 Horas
Cadernos:

Postar um comentário

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget