Evangelizar é Preciso promete ser momento de união e orações neste sábado, na Praia de Iracema

A 11ª edição do Evangelizar é Preciso Fortaleza, com o padre Reginaldo Manzotti, acontece neste sábado, 20, no Aterro da Praia de Iracema. Com o tema "As Muralhas Vão Cair", a organização estima que 1 milhão de pessoas participem do evento.
Durante coletiva de imprensa realizada nessa quinta-feira, 18, o padre Manzotti falou sobre a expectativa do evento. De acordo com o sacerdote, esta edição será um novo momento para contemplação de Deus junto às famílias. “Serão vidas transformadas. O impacto da multidão transformará vidas, de casais, amigos, crianças, jovens e adultos. Todos estaremos em um momento de união”, projeta.
Considerada o maior evento católico do Brasil, a celebração contará com uma grande infraestrutura para atender o público que deve vir de todo o Nordeste. 
Além do padre Reginaldo Manzotti, participaram da entrevista coletiva o padre Francisco Bezerra do Carmo (vigário episcopal da Região de São José e pároco da Igreja de São Francisco na Jacarecanga), dom Julio Cesar (um dos três novos bispos auxiliares da Arquidiocese de Fortaleza) e o tenente coronel da Polícia Militar Janio Emanuel Marinho.
De acordo com o tenente, a expectativa é de que este seja um evento tranquilo e seguro. “Os agentes já estão todos designados em torno de todo o aterro e estamos preparados para trabalhar e garantir tranquilidade para todos que forem ao evento”, afirma. 
O primeiro Evangelizar é Preciso foi realizado em Fortaleza, em 2005. Hoje, o evento também acontece em outras cidades como Recife, Juazeiro do Norte (CE) e Patos de Minas (MG).
O padre Reginaldo Manzotti explicou que a vivência com Deus é sempre mais gentil. Na coletiva, ele aproveitou para falar sobre a atual situação do País e pediu que uns façam orações pelos outros. “Em tempos de crise, nós não podemos esquecer que existe amor, a cura parte disse”, ensinou.
Ao O POVO Online, padre Reginaldo disse que espera que o evento traga bons momentos para todos que forem em busca de paz. Segundo ele, “evangelizar” não é um “corpo estranho" aos que buscam as explicações divinas. “No sábado, quem estiver no nosso momento com Deus, perceberá que não caminha só, pois todos os irmãos de alma estarão ao seu lado em união”, afirmou.

O POVO Online
Cadernos:
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget