Últimas Notícias

O Ministério Público do Ceará (MP-CE) começou a ouvir as testemunhas do caso do apresentador da TV Verdes Mares Kaio Cezar, afiliada da Globo, que se demitiu ao vivo durante uma edição do Globo Esporte local. O profissional acusa membros da emissora de assédio moral.
O órgão iniciou a investigação a partir da denúncia protocolada pelo Sindicato dos Jornalistas do Ceará. O UOL apurou que Kaio já foi ouvido pelo Ministério Público, e as testemunhas serão chamadas na sequência. Além disso, outras pessoas que afirmam terem sido vítimas de assédio na empresa também irão depor.
A intenção do Ministério Público é investigar se há casos de assédio dentro da TV Verdes Mares. Caso conclua que a prática é recorrente, uma ação civil pública será aberta contra a emissora cearense.
Kaio se demitiu da Verdes Mares no dia 16 de fevereiro. Em entrevista ao UOL Esporte na época, ele afirmou ter sofrido assédio dentro da emissora e prometeu ir à Justiça.
"Em relação aos casos de assédio, aconteceram. Não tenho provas materiais, claro. Ninguém espera com a câmera do celular ligada uma atitude estúpida de ninguém. Se ele me processar, irei procurar testemunhas. Se elas tiverem coragem de ir comigo, bom. Se não, reafirmarei o que disse. Pode acontecer o que for, mas reafirmarei. Porque é verdade", disse na época.

UOL

Destinado a preencher 500 vagas, o concurso da Polícia Rodoviária Federal está temporariamente suspenso, confirmou o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), banca que organiza a seleção.
A suspensão atende determinação de ação popular em tramitação na 2ª Vara Federal da Justiça do Ceará, conforme nota da Cespe. A ação propõe que as fases do processo seletivo ocorram em todas as capitais, e não apenas na cidade para lotação escolhida por cada candidato.

Solicitação de novo edital
Autor da ação popular, o advogado Gustato Brígido Bezerra Cardoso solicita que um novo edital seja publicado para permitir que "os candidatos possam fazer todas as fases do certame em quaisquer das capitais brasileiras". 
Ao deferir parcialmente o pedido, o juiz Jorge Luís Girão Barreto afirma que "não há razoabilidade na regra que impõem aos candidatos a realização das provas no mesmo local em que desejam concorrer à vaga".

Juiz solicita que organizadora reabra o prazo do concurso
Na decisão, o magistrado determina que o Cespe reabra o prazo do concurso, "a fim de que os candidatos possam optar pela realização do certame em quaisquer das cidades em que haverá aplicação das provas, independentemente do local para o qual escolheram concorrer à vaga".
O Cespe, no entanto, sinaliza a continuidade da seleção.
No comunicado divulgado na última quarta (20), assinado pelo diretor-geral do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, Adriano Marcos Furtado, a banca informa que os resultados das provas objetiva e discursiva, aplicadas em 3 de fevereiro, serão divulgados em data oportuna.
Ao todo, o concurso da PRF registrou 129.152 inscrições em todo o país, sendo que os Estados que atraíram mais candidatos foram Pará, com 12.700; Goiás, com 12.605; e Rio Grande do Sul, com 11.559 inscritos.

Jornal dos Concursos

O presidente Jair Bolsonaro adiou para 1º de março de 2020 o prazo para que os órgãos de identificação adotem os padrões da nova carteira de identidade do País, que foi lançada em caráter experimental em fevereiro do ano passado pelo governo federal e batizada como Documento Nacional de Identificação (DNI). 
Pela regulamentação original, prevista no Decreto 9.278/2018, a implantação do novo modelo deveria ocorrer já a partir de 1º de março deste ano. A mudança da data consta de decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira, dia 22.
O DNI será digital e, quando estiver integralmente pronto, dispensará a apresentação de outros papéis de identificação como CPF, certidão de nascimento, casamento ou título de eleitor.

Estadão Conteúdo

A proporção de jovens entre 15 e 29 anos desocupados, ou seja, que nem estudam nem trabalham caiu 10% nos últimos dois anos. O número de pessoas da mesma faixa etária ocupados informalmente caiu 1,4% no mesmo período, de acordo com o Boletim Trimestral da Juventude, que acompanha indicadores de educação e mercado de trabalho para a população cearense. 
Em 2018, o Ceará apresentou um total de 615 mil jovens, entre 15 e 29 anos, na condição de Não Estudam e Não Trabalham (Nem-Nem). No ano anterior, o quantitativo foi de aproximadamente 700 mil.
A redução da proporção de jovens Nem-Nem entre 15 e 17 anos, entre 2017 e 2018, foi de 24%, variação que, para o autor da pesquisa, é explicada pela redução da desocupação dos jovens nessa faixa etária, no mesmo período, e pelo aumento da frequência escolar. 
O número médio de anos de estudos para jovens entre 18 e 24 anos passou a ser dez anos, em 2018. O estudo apontou que a proporção de jovens entre 15 e 29 anos fora da força de trabalho caiu 1,9% entre 2017 e 2018. Na faixa etária de 25 a 29 anos essa redução foi de 6,4%, enquanto para jovens entre 18 a 24 anos houve crescimento de 4,1%. 

Frequência escolar x anafalbetismo 
A taxa bruta de frequência escolar para jovens de 15 a 29 anos apresentou um crescimento de 0,3% nos últimos dois anos. O aumento é devido ao acréscimo de 9,1% na frequência de jovens de 15 a 17 anos no ensino médio. 
Já a proporção de jovens de 15 a 29 anos analfabetos foi reduzida em -17,4% até o ano passado. A pesquisa revelou que a proporção de jovens entre 18 e 29 anos com ensino médio completo foi de aproximadamente 63%, em 2018, crescimento de 5,5% em comparação a 2017.

Diário do Nordeste

O corpo de um homem em avançado estado de decomposição foi encontrado na manhã desta sexta (22), no bairro Primavera, em Santa Quitéria.
Segundo moradores da rua Tomás da Silva Lima, há aproximadamente três dias estavam sentindo um mal cheiro insuportável, vindo de uma residência. Não mais suportando o odor, hoje mais cedo ligaram para a Delegacia de Polícia Civil, informando sobre o fato.
Ao chegar no local, o delegado Ivanildo Alves arrebentou o portão da residência, que estava trancado e se deparou com o cadáver, que estava em uma rede, já em estado de putrefação. Aparentemente, o pescoço da vítima estava quebrado e não foram encontradas marcas de perfuração.
Tanto na rede quando no chão da sala, havia muito sangue. Segundo a Polícia Civil, a vítima foi identificada como Antonio Adeni Freire Nunes, 47.


A Polícia Militar esteve no local, isolando a área para que a Perícia Forense pudesse fazer os seus trabalhos de investigação e apontar as causas da morte, até então desconhecidas. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal, em Canindé.

A última eleição para a presidência do Senado Federal, em 2 de fevereiro, deu o que falar. Entre bate-bocas, impasses sobre a liderança da Mesa Diretora e atraso na votação, outro fato marcou a solenidade: uma fraude nos votos. Na ocasião, foram encontradas 82 cédulas na urna, ou seja, uma a mais do que o número de políticos da Casa. Até agora, seis senadores estão apontados como suspeitos.
No entanto, um material obtido pela revista Crusoé aponta que o principal suspeito de inserir uma cédula a mais na urna de votação é o senador Mecias de Jesus (PRB-RR). Em uma foto divulgada pelo próprio Senado, é possível notar que o parlamentar deposita um papel em branco na caixa – todos receberam cédulas com o brasão da República e um envelope com o símbolo da Casa.
Na imagem, o papel depositado por Mecias de Jesus é completamente branco, mas deveria conter o símbolo do Senado ou uma aba de fechamento. Como não contém, supõe-se que o parlamentar depositou as cédulas, sem o envelope, direto na urna.
A Crusoé entrou em contato com o senador, que não negou o envolvimento na fraude. De acordo com a reportagem, Mecias se mostrou incomodado com o assunto e disse: “Eu prefiro que deixe a Corregedoria [do Senado Federal] apurar”.

Metrópoles

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget