PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Governo vai estimular produção de Urânio; medida pode destravar mina de Itataia

O Governo pretende estimular a produção de urânio no Brasil. A ideia é formar parcerias entre o setor privado e a Indústrias Nucleares do Brasil (INB), já que a atividade é monopólio da União por determinação constitucional. À frente da iniciativa está o próprio ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, especialista no tema. As informações são do Valor Econômico.
O estímulo pode destravar a exploração da mina fosfato com Itataia (fosfato com urânio), em Santa Quitéria (CE), para a qual se tentou uma parceria entre a INB e a Galvani, mas que não foi adiante por falta de licenças e infraestrutura. Além do licenciamento ambiental, a atividade também requer licenciamento nuclear, concedido pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEB).
O Brasil possui a sétima maior reserva de urânio do mundo, mas a exploração está parada desde 2015, quando a mina de Caitité (BA) perdeu sua viabilidade. A partir de então, o País importa o minério para abastecer as usinas de Angra 1 e 2.

Focus.jor
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget