PUBLICIDADE



Estudantes, professores e trabalhadores da Educação voltam às ruas contra corte de verbas

Estudantes, professores e trabalhadores ligados à educação voltam às ruas nesta quinta-feira (30) contra o corte de verbas anunciado pelo Governo Federal nas universidades e institutos federais. Na Capital cearense, os grupos se reúnem a partir das 14h, na Praça da Gentilândia, no Benfica.
No Ceará, o corte de verbas atinge diretamente o funcionamento da Universidade Federal do Ceará, da Universidade Federal do Cariri e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab).
De acordo com um levantamento da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da Central Única dos Trabalhadores (CUT), cerca de 150 cidades terão manifestações e a diversidade de manifestantes do último dia 15 deve se repetir: secundaristas, universitários, pós-graduandos, professores e trabalhadores.
Além da pauta da Educação, as manifestações desta quinta também colocam em pauta a reforma da Previdência e a greve geral, marcada para 14 de junho. Na Capital, em evento criado no Facebook – com quase 8.000 pessoas demonstrando algum tipo de interesse -, os organizadores fizeram o convite.

Ceará Agora
Cadernos:
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget