PUBLICIDADE



Postura de Camilo e demais governadores do NE contrários à reforma é "atraso", diz Tasso

O senador Tasso Jereissati (PSDB) classificou, nesta sexta-feira, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), em Fortaleza, a posição do governador Camilo Santana (PT) e dos demais chefes de executivos do Nordeste contrários à proposta da reforma da Previdência como “postura de atraso”. Adicionou a isso a decisão de Camilo de ficar contra a proposta do novo marco regulatório do saneamento básico do Pais que teve, inclusive, o tucano cearense como relator.
“Aqui no Ceará é uma vergonha. Vivemos nos bairros de Fortaleza na Idade Média. No Interior, você vê crianças brincando em cima da lama, do esgoto. Nós precisamos urgente de uma politica de investimentos. Infelizmente, algumas coisas tentamos, mas, se passar na Câmara ainda como ficou, acredito que podemos ter uma nova era para o saneamento, que é uma vergonha nacional”, disse Jereissati.
Ele lamenta que o governo federal não tenha uma política voltada para o Nordeste e observou que, por exemplo, a formação de um consórcio de saúde firmado recentemente entre os governadores, por si só não é solução. Avalia que o tema da desigualdade regional terá que constar também na pauta do Congresso.
Cadernos:
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget