PUBLICIDADE



Maternidade da Santa Casa de Sobral é referência para gestações de alto risco e abre suas portas para 55 cidades

A Maternidade Sant’Ana da Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) é referência para gestações de alto risco na macrorregião de Sobral, abrindo suas portas para 55 municípios. Desde o começo do ano já foram realizados 13.676 atendimentos, 5.355 internamentos e 4.020 partos.

Para proporcionar maior qualidade e segurança às pacientes e funcionários, o Hospital investiu em melhorias no atendimento da Maternidade. Foi inaugurado o Centro de Parto Normal (CPN), que possibilita um atendimento mais humanizado, uma nova recepção, uma sala de acolhimento com classificação de risco em obstetrícia, e foram adquiridos equipamentos médico hospitalares.

Sala de Acolhimento com Classificação de Risco
As mulheres que chegam à Maternidade da SCMS são acolhidas de forma humanizada e resolutiva por enfermeiros obstetras 24 horas por dia. Atualmente, o Serviço oferece melhor conforto desde a inauguração, em julho deste ano, da Sala de Acolhimento com Classificação de Risco. O novo espaço conta com sala de espera, sala de recepção, sala de exames e banheiros; todos os ambientes climatizados.

As mulheres registram seu atendimento e são encaminhadas para o acolhimento, recebendo atendimento de enfermeiros, que classificam seu risco utilizando pulseiras com cores específicas (vermelho, laranja, amarelo, verde e azul). O processo de identificação da prioridade do atendimento às pacientes, de acordo com a gravidade da situação, garante organização da porta de entrada da urgência obstétrica e assim, o atendimento por prioridade, garantindo a saúde das mulheres e seus filhos.

Centro de Parto Normal
Inaugurado em maio do ano passado, o Centro de Parto Normal (CPN) da SCMS proporciona qualidade no parto humanizado. O espaço, que já se encontrava em funcionamento desde janeiro de 2018, dispõe de cinco quartos PPP (pré-parto, parto e pós-parto) equipados com berços, camas de parto, bola de pilates, cavalinho obstétrico, cadeira de parto vertical, cadeira de acompanhante e material de atendimento ao recém-nascido.

Os quartos respeitam a privacidade e são adequados ao parto: limpos, organizados, amplos e climatizados, onde a gestante pode vivenciar o momento do parto com respeito e dignidade. Todos possuem ar-condicionado (conforto técnico), cores claras (conforto visual), e som ambiente (conforto auditivo).

Um dos quartos possui banheira de hidromassagem, que possibilita a realização de um parto humanizado dentro da água, no caso de gestantes de baixo risco. O procedimento se dá por meio de preparação da paciente pela equipe multiprofissional de enfermeiros obstetras, técnicos de enfermagem, obstetra e pediatra que o CPN disponibiliza 24 horas por dia, além de médicos e enfermeiros residentes. Os serviços são ofertados de forma gratuita pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

As mulheres têm direito a um acompanhante de sua livre escolha, alimentar-se livremente, movimentar-se, usar métodos não farmacológicos de aturo da dor (massagens, banhos, bolas), escolha da posição de parir, permanecer com o recém-nascido do nascimento à alta e amamentar sob livre demanda.

Na Maternidade, a mãe pode realizar o registro de nascimento civil todos os dias, até sábado, possibilitando que o recém-nascido receba alta hospitalar já registrado. Todos os bebês recebem as primeiras vacinas e realizam todos os testes de triagem neonatal (coraçãozinho, olhinho, linguinha e orelhinha) antes da alta.

Santa Casa adquire e ganha novos equipamentos para Maternidade
A SCMS busca favorecer a qualidade e segurança dos atendimentos prestados na Maternidade Sant’Ana. Por esse motivo, neste ano foram adquiridas quatro cadeiras de rodas, duas cadeiras de rodas para banho, um aparelho de ultrassonografia, um cardiotocógrafo, quatro oftalmoscópios, oito detectores fetais, 10 suportes de soro, duas mesas ginecológicas e sensores. Também foram doados por meio de ações em conjunto entre a Central de Projetos e o Setor Jurídico do Hospital junto ao Ministério Público do Trabalho: 48 novas camas, 27 novos berços de acrílico, duas novas macas, e 17 kits de aparelho de pressão com estetoscópio.

Maternidade Sant’Ana
A Maternidade Sant’Ana é composta por 53 leitos, sendo 15 destinados à gestantes de alto risco, 5 no CPN e 33 leitos de alojamento conjunto. Além disso, possui 15 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Neonatal, 15 no berçário na Unidade de Cuidado Intermediário Convencional (UCINCo) e sete na Unidade de Cuidado Intermediário Convencional Canguru (UCINCa) . Possui também um posto de coleta de leite humano vinculado ao Banco de leite Materno do HRN (Hospital Regional Norte), e 18 leitos na Casa da Mamãe, destinados às mães que recebem alta e seus bebês permanecem internados.

A Santa Casa de Misericórdia de Sobral é certificada como Hospital Amigo da Criança pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e Ministério da Saúde. A Maternidade Sant’Ana possui o título desde 1991 e é vinculada à Rede Cegonha desde 2012, que tem o objetivo de reduzir a mortalidade materna e infantil e garantir os direitos sexuais e reprodutivos. A Rede Cegonha qualifica os serviços ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no planejamento familiar, na confirmação da gravidez, no pré-natal, no parto e no puerpério (28 dias após o parto).

Por ser Hospital Amigo da Criança, a SCMS cumpre os “10 passos para o sucesso no aleitamento materno”, os “Cuidados Amigo da Mulher”, a “Norma Brasileira para Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças de Primeira Infância, Bicos, Chupetas e Mamadeiras” (NBCAL), e o direito ao livre acesso e permanência do pai/mãe ou representante legal ao recém-nascido internado nas Unidades Neonatais.
Cadernos:
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget