PUBLICIDADE



Granito de Santa Quitéria deve reforçar exportações cearenses em US$ 200 mi até 2024

Em destaque nas últimas semanas com as negociações para levar empresas à Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE Ceará), o setor de rochas ornamentais no Estado espera ter mais novidades positivas em um futuro não tão distante. Investindo mais de R$ 300 milhões em pesquisa nos próximos 24 meses, os empresários estimam registrar um crescimento de cerca de 991% nas exportações em um período de quatro anos.

Se a previsão estiver correta, o setor passaria a acumular mais de US$ 200 milhões por ano com vendas para o exterior. A perspectiva foi confirmada por Carlos Rubens, presidente do Sindicato da Indústria de Mármores Granitos do Estado do Ceará (Simagran-CE). Com esse montante investido, a expectativa é para que a atividade se torne a quarta ou quinta mais importante do Estado.

Santa Quitéria tem uma participação fundamental nisto. É na zona rural do município onde está instalada a maior exportadora do Brasil em volume, com cerca de 450 a 550 contêineres anuais. Destaque para o granito branco, bastante valorizado no segmento da construção civil, por ter uma dureza alta, baixa porosidade e visual muito atrativo ao mercado consumidor internacional.

[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget