Homem que atropelou mulheres em Sobral possui antecedentes por ameaça e violência doméstica

Homem que atropelou mulheres em Sobral possui antecedentes por ameaça e violência doméstica

Matheus Facundo

O motorista que desobedeceu ordem de parada da Polícia e atropelou duas mulheres durante fuga em Sobral foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio. Eder Mourão Sá, ainda responderá por dano ao patrimônio público e desobediência, segundo informações da Polícia Civil do Ceará (PCCE).

Conforme nota enviada pela PCCE, Eder possui antecedentes criminais por violência doméstica e ameaça. Ao empreender fuga, o homem colidiu com viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e outros carros em ruas do Município.


Segundo a esposa Valéria Sá, o marido enfrenta um quadro severo de depressão e, no momento dos incidentes, ele estava sem tomar seus remédios. "Ele estava no trabalho, no nosso Lava Jato, em Fortaleza, quando por volta das 15 horas ele entrou em 'pane'. Devido a muito cansaço, sol quente e ainda tinha esquecido o remédio, tudo isso afetou. Ele pegou um de nossos carros e saiu sem rumo, eu não sabia aonde ele estava indo", contou.

Ela disse que só soube do paradeiro de Éder por meio de conhecidos e por registros de câmeras de trânsito. Sobre as motivações que o levaram a furar o bloqueio da PRF em Sobral e empreender fuga, ela atribui ao nervosismo.