7º BPM não repassará dados de vítimas e acusados em ocorrências policiais à imprensa

7º BPM não repassará dados de vítimas e acusados em ocorrências policiais à imprensa

Nathan Loiola

Uma reunião aconteceu na manhã desta terça-feira (18), na sala do Comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar, em Crateús, com policiais militares e a imprensa.

O comandante Tenente-Coronel Vicente informou que, baseado na Lei de Abuso de Autoridade, que passou a valer desde o dia 6 de janeiro, não irá continuar fornecendo dados de vítimas, suspeitos e acusados de crimes em ocorrências policiais.

As autoridades não deverão nem permitir que a imprensa realize entrevistas com suspeitos de crimes, após os suspeitos estarem sob responsabilidade da Polícia.

Para a imprensa, tal lei causará um impacto negativo para o acesso a informação para a população, levando em conta que cerca de 90% das informações divulgadas são recebidas pelas autoridades e repassadas aos profissionais da informação.