PUBLICIDADE

Antes contra, presidentes de Ceará e Fortaleza apoiam suspensão do Cearense

Presidentes dos principais clubes cearenses mudaram de opinião em relação à continuação dos jogos do Campeonato Cearense. A maioria das representações dos clubes participantes do certame haviam se manifestado à favor do prosseguimento da competição de portões fechados, em reunião na tarde de segunda-feira (16). No entanto, o decreto de estado de emergência no Ceará pelo Governo do Estado mudou o panorama para os mandatários do futebol cearense.

Em contato com o GloboEsporte.com, o presidente do Ceará, Robinson de Castro comentou a mudança de decisão da FCF, assim, suspendendo os jogos.

"O Ceará apoia a decisão da FCF. Ontem, houve reunião, mas depois que o governador do Estado declarou estado de emergência, nós achamos razoável", afirmou Robinson.
Marcelo Paz, presidente do Fortaleza, também declarou posição diferente em relação às opiniões manifestadas na segunda-feira (16).

"A minha posição pessoal é a de reavaliar o cenário. Temos que reconhecer que precisa. Quando houve a reunião ontem de tarde, ainda não tinha decreto do governador. Então, muda o cenário, e a gente tem que ser coerente e seguir a linha que a sociedade entende mais adequada. Minha opinião é que deveria mesmo parar o campeonato", assumiu Paz.

Em decorrência do crescimento da epidemia de Coronavírus no Ceará, a FCF resolveu voltar atrás e suspender a competição. Desde o início da semana, o número de casos triplicou no estado. A última atualização da Secretaria de Saúde (Sesa) confirmou 9 casos da Covid-19 no estado.

Globo Esporte
Tags
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget