“Brasil é Boeing comandado por chimpanzé metido a engraçadinho”, diz Ciro Gomes

“Brasil é Boeing comandado por chimpanzé metido a engraçadinho”, diz Ciro Gomes

Com três circuit breakers em dois dias, dólar batendo os 5 reais, derrubada do veto presidencial em relação ao BPC pelo Congresso e a crise do coronavírus chegando ao alto escalão de Brasília, a semana foi tudo, menos favorável ao governo.

O clima negativo do lado de fora, porém, não isenta o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, da responsabilidade do derretimento da bolsa brasileira e dos resultados pífios de crescimento econômico. É o que argumenta Ciro Gomes, ex-governador do Ceará e presidenciável nas eleições de 2018 pelo PDT, que classificou o País como um “avião desgovernado em um céu extremamente perigoso”.

“O tempo que vem de fora – a crise internacional agravada pelo coronavírus e pela aversão aos riscos – é muito difícil, e o avião queimou uma turbina. O Brasil é um avião complexo, um Boeing sofisticado, que tem como comandante dele um chimpanzé, que é o Bolsonaro, e um co-piloto de videogame, que nunca viu um avião na vida, que é o Guedes. O coronavírus não explica a intensidade com que os ativos estão derretendo”, declarou Gomes em entrevista a CartaCapital.