PUBLICIDADE

Cancelados 373 mil títulos de eleitor de quem não fez biometria no Ceará

Foram cancelados 373.776 títulos de eleitor de Fortaleza por não terem feito cadastro biométrico. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), a revisão biométrica atingiu 80% dos eleitores da Capital.

Quem perdeu prazo ainda pode regularizar a situação até 6 de maio. Procuraram o TRE-CE para regularizar a situação 86.531 eleitores. Os dados deles ainda serão processados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Até que isso ocorra, esses títulos constam como cancelados.

Eleitores com o título cancelado, caso não regularizem a situação até 6 de maio, não poderão votar nas próximas eleições municipais, em outubro. Além disso, pode ficar impedido de emitir passaporte, matricular-se em instituições públicas de ensino, inscrever-se ou receber o Bolsa Família, contrair empréstimos em bancos oficiais, tomar posse em cargo público. Servidor público pode não receber salário.

O TRE-CE alerta para os eleitores buscarem regularizar a situação o quanto antes, para evitar filas perto do prazo final de 6 de maio, prazo nacional após o qual não poderá haver nenhuma alteração cadastral até as próximas eleições. Quem não se regularizar até maio não votará em outubro nas eleições municipais. O cadastro só será reaberto em novembro.

Para regularizar o título não paga nada. É necessário levar:
  • Documento oficial de identificação com foto, como o RG;
  • Comprovante de residência atualizado.
  • Para primeiro título de homens com mais de 18 e até 45 anos, é necessário documento de quitação com a Justiça Militar.
O POVO Online
Tags
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget