Enel demite funcionário que se recusou a cortar serviço de cliente em Fortaleza | A Voz de Santa Quitéria
PUBLICIDADE

Enel demite funcionário que se recusou a cortar serviço de cliente em Fortaleza

Em vídeo que circula pelas redes sociais e grupos de WhatsApp, um, agora, ex-funcionário da Enel (distribuidora de energia elétrica no Ceará) revela ter sido demitido pela companhia por ter se recusado a cortar o serviço de um cliente nesta segunda-feira (23), em Fortaleza.

Em um primeiro momento, o eletricista Ramiro Roseno grava um vídeo na base da Sirtec, segundo ele, empresa terceirizada pela Enel e responsável pelo setor de corte e religação emergencial. Na ocasião, Ramiro explica os motivos que o levaram ao não cumprimento da medida repassada pela empresa, apresentando um documento que o advertia pela conduta adotada. “Eu não acho justo um cliente ser cortado em quarentena, aonde não se tem recursos e dinheiro para poder pagar as suas contas em dias (…) e não vou cortar e não irei cortar”, dispara.


Em seguida, um outro vídeo dá conta do relato do trabalhador recebendo um comunicado de demissão que, pelo conteúdo apresentado já no relato de advertência, aponta para uma demissão decorrente da atitude de sensibilizada de Ramiro em não cortar o serviço de energia do cliente. “Gente, nesse momento recebo minha carta de demissão (…). Fui posto para o ‘olho da rua’. Nunca tive problema com a empresa (…) mas foi dessa forma que fui reconhecido. Nem fiz o corte e nem vou fazer em um momento como esse. Vocês estão de parabéns.”, desabafa.

A Notícia do Ceará entrou em contato com a Enel. Em nota, a assessoria de imprensa da companhia informou que a ordem de corte foi decidida após solicitação do próprio cliente, explicação que diverge dos relatos do ex-funcionário.

A Notícia do Ceará
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget