Janela partidária: Como ficam os vereadores de Santa Quitéria na troca de partidos

Janela partidária: Como ficam os vereadores de Santa Quitéria na troca de partidos

Terminou ontem (03), a janela para trocas partidárias, período no qual os vereadores que concorrerão à reeleição podem mudar de partido sem perder o mandato eletivo. A partir de agora, a Câmara Municipal de Santa Quitéria ficará dividida em apenas três partidos: MDB, PSB e PDT.

Seis siglas perderam suas representações na Casa: PSDB, PTB, Podemos, PRP, PCdoB e PMB. Com a aglomeração de vários vereadores, tornam as vagas ainda mais disputadas, haja vista que com o fim das coligações, cada partido terá o desafio de conseguir, sozinho, alcançar o número de votos para atingir o quociente eleitoral.

Situação
O grupo liderado pelo prefeito Tomás Figueiredo decidiu unificar sua bancada em torno do MDB.
  • Pedro do Sangradouro: deixa o PSDB e migra para o MDB
  • Miúdo: deixa o PSB e migra para o MDB
  • Cerinha: deixa o PDT e migra para o MDB
  • Rafael Vaz: permanece no MDB
  • Dr. Júnior Araújo: deixa o PDT e migra para o MDB
  • Haroldo Martins: deixa o PRP e migra para o MDB
  • Sônia Paiva: deixa o PSDB e migra para o MDB
  • Viana: deixa o PMB e migra para o MDB
Também irão compor a base, PSDB, PL, Solidariedade e PTC.

Oposição
O pré-candidato a prefeito e atual vice Braguinha agrupou forças e cooptou mais dois vereadores para o PSB, além do seu filho Joel. Marcelo Magalhães perdeu o único representante do PTB e os outros dois restantes permaneceram fiéis ao ex-prefeito Fabiano Lobo.
  • Augaci: permanece no PDT
  • Cesário Júnior: permanece no PDT
  • Manjado Timbó: deixa o PTB e migra para o PSB
  • Lino Paiva: deixa o PCdoB e migra para o PSB
  • Joel Barroso: deixa o Podemos e migra para o PSB
Braguinha deverá contar com o apoio do PT, PP e Patriota.