Mandetta desabafa: “São 60 dias nessa batalha. Já chega, né?”

Mandetta desabafa: “São 60 dias nessa batalha. Já chega, né?”

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, desabafou sobre as dificuldades criadas pelo presidente Jair Bolsonaro no combate a pandemia de coronavírus e afirmou que sua saída do governo é definitiva, em entrevista publicada pela revista Veja.

Segundo a revista, o ministro conversou por telefone, logo após a coletiva de imprensa realizada na tarde desta da quarta-feira (15), já em tom de despedida. A reportagem chegou a perguntar se teria algum jeito de o ministro permanecer.

“De permanecer no governo? Não, não. São 60 dias nessa batalha. Isso cansa!”, disparou Mandetta. “Sessenta dias tendo de medir palavras. Você conversa hoje, a pessoa entende, diz que concorda, depois muda de ideia e fala tudo diferente. Você vai, conversa, parece que está tudo acertado e, em seguida, o camarada muda o discurso de novo. Já chega, né? Já ajudamos bastante”, completou o ministro, quando solicitado detalhes.

Mandetta disse ainda que fica até o governo escolher um novo nome para a pasta e que não tem informações sobre os cotados para o cargo.

O ministro minimizou planos políticos, disse que a eleição de 2022 está longe e insistiu que vai procurar trabalho porque tem que ajudar os filhos, em fase de formação universitária.