Menino doa R$ 21,45 para hospital depois de vender latinhas durante uma semana para levantar quantia

Menino doa R$ 21,45 para hospital depois de vender latinhas durante uma semana para levantar quantia

O desejo de fazer uma doação para ajudar o único hospital de Antônio Prado (RS), no combate contra o coronavírus, fez com que Leonardo Cambruzzi, 11, de família humilde, buscasse a venda de latinhas recicláveis como forma de conseguir levantar uma quantia que lhe permitisse fazer a contribuição. O menino trabalhou durante uma semana e apurou R$ 21,45, valor que foi logo levado para a única unidade hospitalar de Antônio Prado, município em que reside.

Mesmo com uma quantia pequena, Leonardo pensou na falta que aquele valor faria na compra de algum equipamento necessário, já que o hospital conta apenas com quatro respiradores. “No começo me deu medo de entrar lá só com aquele dinheiro, mas quando me veio em mente que poderia sim estar faltando R$ 21.45 para comprar um respirador e salvar a vida de alguém, entrei sem pensar duas vezes”, contou em entrevista para um jornal local.

O Otimista