Restaurantes já demitiram cerca de 24 mil trabalhadores no Ceará

Restaurantes já demitiram cerca de 24 mil trabalhadores no Ceará

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) estima que 24 mil empregados do setor de bares e restaurantes, no Ceará, já perderam o emprego durante a crise provocada pela pandemia do coronavírus. No País, a entidade calculava que 350 mil demissões ligadas a estabelecimentos seriam realizadas até semana que vem, projeção que caiu para 150 mil após as medidas anunciadas pelo Governo.

Mas esses números podem ser muito maiores. De acordo com projeção da Associação Nacional de Bares e Restaurantes (ANR) baseada em enquete com seus associados, mais de 600 mil pessoas podem ter sido demitidas de estabelecimentos do setor com a escalada do coronavírus no Brasil.

A Abrasel tem um número mais conservador sobre demissões, considerando apenas o mercado formal.