Pico da Covid-19 deve ocorrer nesta semana e estabilidade no número de casos em julho, aponta estudo | A Voz de Santa Quitéria

PUBLICIDADE


Pico da Covid-19 deve ocorrer nesta semana e estabilidade no número de casos em julho, aponta estudo

De acordo com o modelo matemático criado por pesquisadores da Coppe/UFRJ, Marinha do Brasil e Universidade Bordeaux, na França, o pico no número de casos da Covid-19 no Brasil deve ocorrer nesta semana. A projeção foi feita exclusivamente ao Estadão e indicou que os casos devem começar a estabilizar somente no fim de julho, quando deverá atingir a marca de 370 mil infectados. 

Esses números são projetados levando em consideração o quadro atual de isolamento social no País, medidas de higiene adotadas e a capacidade de testagem. Levando em consideração o que está sendo analisado, é possível que esse valor seja muito superior, podendo alcançar a marca de 1 milhão de casos, se avaliarmos a quantidade de ocorrências não reportados, de acordo com matéria publicada no site Olhar Digital.  

Assim, se as taxas de isolamento social e as demais medidas de prevenção se mantiverem do jeito que estão, o pico da pandemia pode ser só daqui a um mês. “Depois do pico, o número de casos acumulados continua crescendo, ele não para de crescer, mas o País vai reportando cada vez menos casos, e a curva começa a mostrar uma tendência de queda”, explica o pesquisador Renato Cotta, professor titular da Coppe/UFRJ e consultor técnico da Marinha do Brasil ao Estadão. “Se tivéssemos o cenário de hoje congelado, chegaríamos ao dia 150 da pandemia, em 18 de julho, com 368 mil casos”.

As previsões podem variar, principalmente devido a quantidade de testes que estão sendo realizados. De acordo com o pesquisador, o Brasil já realizou 3,5 milhões de testes e deve chegar a 10 milhões nas próximas semanas. Isso significa que, quanto mais testes realizados maior o número de casos reportados. 

Apesar do modelo não calcular o número de mortes pela Covid-19, a mortalidade ao vírus está em 6,7% no Brasil. O que indica que, até o fim de julho, o número pode chegar a 25 mil vítimas no País. 

Agir Brasil
Tags
[blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget