Ceará registra nos 5 primeiros meses de 2020 menor número de queimadas desde 2011

Ceará registra nos 5 primeiros meses de 2020 menor número de queimadas desde 2011

Nos cinco primeiros meses deste ano, o Ceará registrou 107 focos de queimada, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, que acompanha a evolução mensal por Estado desde 1998, por meio de imagens de satélites. Os números registrados de queimadas são os menores desde 2011 que, em igual período, teve 52.

O monitoramento revela que janeiro passado foi o período que registrou um número elevado de queimadas (94). Em fevereiro, foram apenas oito, março caiu para dois, em abril não há registro e em maio, três.

O elevado número de ocorrências em janeiro coincide com o período de preparo de solo para o plantio agrícola de sequeiro. Muitos agricultores ainda mantêm uma prática antiga de fazer roço, juntar os tratos culturais secos (galhos, folhas e tronco) e queimar.

Ceará Agora