A guerra pela vacina da Covid-19: Países acusam Rússia de tentar roubar dados

A guerra pela vacina da Covid-19: Países acusam Rússia de tentar roubar dados


Autoridades de segurança do Reino Unido, do Canadá e dos Estados Unidos acusaram nesta quinta-feira, 16, um grupo de hackers que “quase certamente” trabalham nos serviços de inteligência russos por tentarem roubar informações sobre os projetos de vacinas contra a Covid-19.

O Centro Nacional de Segurança Cibernética (NCSC) do Reino Unido afirmou que os alvos eram agências de pesquisa e desenvolvimento de vacinas no Reino Unido, nos EUA e no Canadá.

As alegações foram apoiadas pelas autoridades americanas e canadenses. “O NCSC está avaliando que (o grupo) APT29, também chamado de Dukes ou Cozy Bear, quase certamente opera como parte dos serviços de inteligência russos”, afirmou um comunicado da instituição.

A Rússia anunciou no domingo, 12, que concluiu a primeira fase de testes de uma vacina contra a covid19. O país está mais perto de se tornar o primeiro a iniciar a distribuição de uma vacina contra o coronavírus para a população. Atualmente, três pesquisas – Reino Unido, China e Estados Unidos – lideram a corrida.

Estadão Conteúdo