Bolsonaro vai vetar uso obrigatório de máscara em comércios, igrejas e escolas

Bolsonaro vai vetar uso obrigatório de máscara em comércios, igrejas e escolas


A Secretaria-Geral da Presidência da República anunciou na noite desta quinta-feira (2) que o presidente Jair Bolsonaro decidiu vetar trechos do projeto de lei aprovado pelo Congresso que trata da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção no país.

Em nota, a assessoria de comunicação do governo afirma que "um dos trechos" vetados é o que exigia o uso de máscaras em locais fechados com aglomeração de pessoas. Com isso, estabelecimentos comerciais, como shoppings, indústrias, igrejas e escolas não precisarão mais exigir de seus frequentadores a proteção individual.

O trecho vetado incluía no rol de locais e situações onde a exigência vigoraria "III – estabelecimentos comerciais e industriais, templos religiosos, estabelecimentos de ensino e demais locais fechados em que haja reunião de pessoas".