Mais de 19 mil cidadãos e instituições se inscreveram no programa Sua Nota Tem Valor

Mais de 19 mil cidadãos e instituições se inscreveram no programa Sua Nota Tem Valor


Duas semanas após o lançamento do Programa, cerca de 19 mil consumidores e 126 instituições já se cadastraram no Sua Nota Tem Valor, programa do Governo do Ceará que busca incentivar a população a pedir a nota fiscal na hora de realizar compras, garantindo o recolhimento de tributos, e sua participação no controle de recursos públicos.

Desenvolvido pela Secretaria da Fazenda do Ceará, o programa recompensará com prêmios mensais em dinheiro os consumidores que realizarem compras com o CPF na nota e instituições sem fins lucrativos, em forma de sorteio. O primeiro resultado com os vencedores será divulgado no dia 21 de agosto.

Consumidores podem participar se cadastrando no portal suanotatemvalor.sefaz.ce.gov.br, ou por meio do aplicativo Ceará App, na aba Sua Nota Tem Valor. É preciso preencher dados de identificação, assinar digitalmente o termo de adesão ao programa, e escolher uma das credenciais. Em cada compra, é preciso solicitar a inclusão do CPF em cada nota de compra. Automaticamente, o documento fiscal gera um banco pessoal de notas e alimenta com pontos. A pontuação será convertida em bilhetes para sorteios mensais. Instituições concorrerá a prêmios juntamente com o consumidor, tendo ainda a chance de participar por rateio.

Instituições sem fins lucrativos que atuem nas áreas de assistência social, esportes, saúde, educação, cultura e apoio aos animais poderão participar. A inscrição deve ser feita no site oficial, no quadro de “Instituições”, digitando os dados. É preciso conferir os dados, e encaminhar os documentos exigidos para o email : cadastro.suanotatemvalor@sefaz.ce.gov.br.

A cada R$50,00 acumulados em compras, o participante ganha um ponto que é convertido em um bilhete eletrônico. Cada pessoa pode acumular no máximo 100 pontos por mês, sendo o limite de cada cupom fiscal eletrônico 10 pontos. O consumidor pode concorrer aos prêmios com os pontos autorizados até o fim do mês. Esses pontos serão rateados para as instituições. Os pontos não serão cumulativos para os outros meses. Serão 6 prêmios por mês, que variam de R$25.000 a R$5.000.

O POVO Online