Novas mortes por Covid-19 se estabilizaram no Brasil, afirma governo

Novas mortes por Covid-19 se estabilizaram no Brasil, afirma governo


Para o Ministério da Saúde, as mortes por Covid-19 pararam de crescer no Brasil e entraram em um momento de estabilidade, o chamado "platô". Em apresentação feita nesta quarta-feira (8), o secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Correia de Medeiros, afirmou que o ministério percebe uma estabilidade no país desde a 22ª semana epidemiológica -- portanto, o final de maio.

"Os números de óbitos são bastante altos, mas têm se mostrado constantes", diz Medeiros.

O chamado "platô" seria o indicativo de superação do pico da doença. De acordo com a pasta, nas últimas seis semanas o cenário se repetiu: em torno de 7 mil mortes registradas por semana, ou mil por dia.

Para o secretário, esse cenário "reflete o esforço de toda a capacidade técnica e assistencial do nosso SUS"

Os números seguem a lógica de registro do Ministério da Saúde, que considera os casos informados à pasta, independentemente da data de ocorrência. Em relação às datas de ocorrência, 14 de maio segue sendo o dia com o maior número de mortes acontecidas em um único dia, com 988 mortes.

Os novos óbitos vão sendo confirmados com atraso e acrescentados posteriormente -- portanto, essa data pode se alterar com as atualizações futuras. 

CNN