Presidente do Banco Central nega que WhatsApp Pagamentos está proibido de operar no Brasil

Presidente do Banco Central nega que WhatsApp Pagamentos está proibido de operar no Brasil


O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, declarou que a instituição financeira não proibiu a operação do WhatsApp Pagamentos no Brasil.

“O Banco Central em nenhum momento proibiu o WhastApp de operar. Essa notícia não é verdadeira. O que o Banco Central entendeu é que era um arranjo muito relevante para a economia e que precisava passar pelo mesmo processo de aprovação dos outros arranjos”, ressaltou Campos Neto em live realizada hoje, 2, pelo Correio Braziliense.

Na sequência, o presidente do BC falou que o arranjo do WhatsApp precisa ser competitivo. “Temos uma agenda super pró-competição. Assim que for comprovado que é um arranjo competitivo e que tem a proteção de dados na forma que nós entendemos necessária, será aprovado”, completou.

No último dia 30, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) revogou medida cautelar que suspendia a parceria entre Facebook e Cielo para viabilizar pagamentos por WhatsApp.