Projeto cearense oferece suporte emocional online a professores durante pandemia

Projeto cearense oferece suporte emocional online a professores durante pandemia


Considerando as dificuldades e angústias vividas por educadores em meio à pandemia de Covid-19, o psicoterapeuta e psicólogo educacional cearense Renê Vieira Dinelli, criou o projeto “Sala de Afetos – Acolhendo Professores”, a fim de fortalecer a saúde mental desses profissionais. Iniciada no começo de maio, a iniciativa promove trocas de vivências, é gratuita e virtual, já tendo atendido cerca de 1,2 mil profissionais em mais de 20 cidades do Brasil.

Com pouco mais de dois meses de funcionamento, o projeto já passou a compor a plataforma Mapa Saúde Mental, do Instituto Vita Alere em parceria com o Google. Além do fortalecimento dos professores, também incentiva a escuta empática, com a troca entre pares e metodologias afetivas.

“Essa ideia de escutar o professor chega para mim como esse espaço para os professores falarem das questões emocionais. A iniciativa nasce para romper com dados e trabalhar a saúde mental desses profissionais”, declara Renê.

Durante os encontros, o psicoterapeuta percebe o surgimento de medos e angústias por parte dos professores. “Dentro das perdas e lutos, costumo dizer que o professor passa por uma perda e luto da sua sala de aula. Esse lugar de criação conjunta com os alunos, foi interrompido”, explica.

Para participar é possível entrar em contato através da página do Lugar do Sentir no Instagram. As inscrições são gratuitas. Os grupos fechados com escolas e universidades são agendados e acolhidos através de salas virtuais, via aplicativo, nos dias e horários determinados e com temas semanais pré-estabelecidos e divulgados na página oficial do projeto.

G1