Empresa brasileira produzirá ventilador pulmonar desenvolvido pela Nasa

Empresa brasileira produzirá ventilador pulmonar desenvolvido pela Nasa


Uma empresa brasileira vai produzir ventiladores pulmonares desenvolvidos pela Nasa, a agência espacial dos EUA. O equipamento é usado para tratar pacientes com Covid-19 em quadros mais graves.

A produção será resultado de uma parceria entre a empresa de medicamentos brasileira Russer e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). 

O diretor geral do Senai, Rafael Lucchesi, disse à Agência Brasil que esse respirador deverá custar em torno de R$ 20 mil. No mercado, a média de preço desse equipamento está entre R$ 50 mil e R$ 60 mil. A Nasa não irá cobrar pelos royalties durante a pandemia.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu a homologação para o aparelho na semana passada. Inicialmente, a Russer deve produzir 300 ventiladores pulmonares por mês. No entanto, ainda não há previsão de quando o produto estará no mercado.

Agência Brasil