Nova manifestação pede a reabertura das escolas em Fortaleza

Nova manifestação pede a reabertura das escolas em Fortaleza


Cerca de 50 pais de alunos matriculados em escolas particulares de Fortaleza realizaram um ato na tarde desta terça-feira (25) reivindicando o retorno das aulas presenciais. Os manifestantes se concentraram na Praça da Imprensa Chanceler Edson Queiroz, no bairro Dionísio Torres.  

Vestidos de branco e com balões em punho da mesma cor, os participantes usaram ainda cartazes com frases que ressaltavam o motivo do ação. “Escolas abertas já”, “Estamos prontos” e a “Educação marca presença” eram algumas das mensagens usadas. Estiveram presentes educadores, alunos, e pais e mães de alunos. 

O cronograma presencial de aulas e atividades pedagógicas foi interrompido no Ceará em março, após a confirmação dos primeiros casos de Covid-19. O governador Camilo Santana assinou decreto estabelecendo o fechamento das escolas de ensino infantil, fundamental e médio, além das universidades como medida de contenção ao novo coronavírus. 

Desde então, estudantes e professores têm aderido à modalidade de ensino virtual. Contudo, para alguns familiares de alunos, as escolas já podem voltar à programação normal tendo em vista a situação epidemiológica da Capital.  

Em nota, o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Ceará (Sinepe-CE) informou que defende o retorno imediato das aulas presenciais e que os pais tenham o direito de escolher se as aulas serão presenciais ou remotas.  

Diário do Nordeste