Prefeitura de Jati pede reforço de patrulhamento após denúncias de furtos a residências evacuadas

Prefeitura de Jati pede reforço de patrulhamento após denúncias de furtos a residências evacuadas


A Prefeitura de Cariri pediu reforço policial para patrulhamento das casas que precisaram ser evacuadas. O pedido ocorreu após denúncias de moradores de Jeti, que necessitaram sair de suas moradias após o rompimento da tubulação na barragem da Transposição do Rio São Francisco. Com a ausência dos moradores, os locais estariam sendo furtados. A Prefeitura disponibilizou quatro seguranças para realizar o patrulhamento na cidade. 

“A gente tomou conhecimento disso hoje pela manhã e já chamamos o comandante da Polícia Militar pedindo reforços", informou ao G1 a prefeita de Jati, Maria de Jesus Diniz. 

A barragem que faz parte do Eixo Norte da Transposição do São Francisco inaugurado pelo presidente Jair Bolsonaro em junho, rompeu na última sexta-feira (21). A ocorrência foi um dia após a abertura da comporta de um canal que recebe água da transposição, evento que contou com a presença do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. O jato d'água provocado pelo vazamento atingiu a parede da barragem. Cerca de 2 mil moradores precisaram deixar suas casas após recomendação da Defesa Civil.

O G1 tentou contato com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS) questionando quantos policiais seriam enviados e até quando permanecerão no local, mas não houve retorno até a publicação desta matéria. 

G1-CE