Ao menos 32 policiais já pediram licença no Ceará para concorrer nas eleições de 2020

Ao menos 32 policiais já pediram licença no Ceará para concorrer nas eleições de 2020


Pelo menos 32 policiais no Ceará já solicitaram licença de suas corporações e foram dispensados para concorrer a algum cargo nas eleições de 2020, seja de prefeito ou vereador.

Segundo dados da Polícia Civil obtidos pela coluna, 31 agentes pediram afastamento das funções até agora “para concorrerem a cargos eleitorais neste ano”. Ao todo, são 23 inspetores, seis escrivães e dois delegados.

Da Polícia Militar, somente um integrante apresentou demanda de desligamento para entrar na disputa eleitoral. Um tenente-coronel, que ocupava tarefa gratificada, “se afastou de suas funções para concorrer às eleições deste ano”, informou a instituição.

A expectativa, porém, é que o índice de policiais-candidatos aumente significativamente, uma vez que os partidos têm até o dia 16 de setembro para fazer o registro das candidaturas.

O POVO Online