Dono de bar é morto a facadas após discutir preço da coxinha com cliente

Dono de bar é morto a facadas após discutir preço da coxinha com cliente


Um dono de bar de 52 anos morreu esfaqueado na noite dessa sexta-feira (4/9) após discutir o preço de uma coxinha com um cliente, em Simonésia (MG).

De acordo com o portal G1, a briga começou após o vendedor dizer que o salgado custava R$ 3. O outro homem rebateu, e afirmou que a coxinha valia R$ 2,50.

O dono do bar teria se sentido ofendido com a afirmação do cliente e pegou um pedaço de madeira para agredi-lo, mas foi impedido por populares.

O outro homem, então, pegou uma faca e atingiu o proprietário no pescoço e nas costas, que morreu no local. O suspeito fugiu após o crime e até a última atualização deste texto, não havia sido preso.