Sesa afirma que hospitais de campanha do Ceará continuarão montados 'por tempo indeterminado'

Sesa afirma que hospitais de campanha do Ceará continuarão montados 'por tempo indeterminado'


A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) decidiu manter montadas, “por tempo indeterminado”, as estruturas de hospitais de campanha que ajudaram a diminuir a pressão no sistema de saúde do Estado. A secretaria declara que, embora tenha acontecido uma redução nos indicadores de novos casos e óbitos de Covid-19 nos últimos dois meses, “a pandemia ainda não acabou”. Destacou, justificando a decisão.

Ao todo, a Pasta investiu em sete hospitais de campanha: cinco na Grande Fortaleza e dois no Interior. Receberam anexos de atendimento o Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), em Quixeramobim; o Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral; o Hospital César Cals (HGCC), Hospital Geral de Fortaleza (HGF), Hospital São José (HSJ) e Hospital de Messejana (HM), em Fortaleza, e outro no município de Caucaia.

A secretaria informou ainda que, devido à diminuição dos casos e do número de internações pela doença, alguns leitos nessas unidades passaram a ser direcionados para outros perfis assistenciais.

O Ceará registra, até a tarde da ultima quarta-feira (2), 218.414 casos confirmados de Covid-19 e 8.481 óbitos em decorrência da doença. Os pacientes recuperados já são 192.335. Os dados são da plataforma IntegraSUS, atualizada às 16h58 pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesa).

G1 Ceará