Bolsonaro descredibiliza Mourão e reforça fala sobre distanciamento entre os dois

Bolsonaro descredibiliza Mourão e reforça fala sobre distanciamento entre os dois


Não é de hoje que o eleitor brasileiro observa uma certa indiferença entre Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão. Confirmando os rumores, Bolsonaro afirmou na última segunda-feira (09) que não tem falado sobre “qualquer” assunto com o vice-presidente e desautorizou afirmação de Mourão sobre as atitudes de Bolsonaro em relação ao novo presidente dos Estados Unidos. A declaração foi dada à CNN Brasil.

Na manhã da segunda (09), Mourão havia dito que o chefe do Executivo aguarda uma definição das “questões pendentes” nas eleições dos Estados Unidos para cumprimentar o candidato vencedor.

“O presidente está aguardando terminar esse imbróglio aí, essa discussão [sobre] se tem voto falso ou se não tem voto falso, para dar o posicionamento dele”, disse a jornalistas ao chegar ao Palácio do Planalto.

Contrariando a informação de Mourão, Bolsonaro disse à CNN Brasil que a fala é uma opinião do vice:

“O que ele [Hamilton Mourão] falou sobre os Estados Unidos é opinião dele. Eu nunca conversei com o Mourão sobre assuntos dos Estados Unidos, como não tenho falado sobre qualquer outro assunto com ele“, afirmou Bolsonaro.

Mourão também afirmou a imprensa que o Brasil não corre risco de se prejudicar com a demora do governo em cumprimentar a chapa declarada eleita pela mídia norte-americana, Joe Biden e Kamala Harris.

“Não julgo que corra risco. Vamos aguardar, né? É uma questão prudente aí, espero. Acho que nesta semana definem-se as questões que estão pendentes, aí a coisa volta ao normal e nos preparamos para o novo relacionamento que tem que ser estabelecido”, declarou.

Diferente de outros líderes mundiais que cumprimentaram Joe Biden por vencer a eleição presidencial nos Estados Unidos, o presidente Jair Bolsonaro e seu governo têm mantido silêncio.

Poder 360