Assim como na atual pandemia, cearenses já usaram máscara por medo de outra doença na década de 80

Assim como na atual pandemia, cearenses já usaram máscara por medo de outra doença na década de 80


Embora o uso de máscaras tenha se tornado obrigatório neste ano, no Ceará, devido à pandemia do novo coronavírus, não é a primeira vez em que a tentativa de evitar o contágio por uma doença motivou o uso da máscara, por exemplo, em sala de aula. Em agosto de 1988, Fortaleza vivenciou um aumento de casos de meningite, o que fez com que alguns estudantes decidissem assistir aulas usando máscaras de proteção.  

Na época, o Estado passava por uma alta no número de casos de meningite tipo B. Nos anos de 1985, 1986 e 1987, a Secretaria de Saúde do Ceará registrou respectivamente 39, 55 e 53 ocorrências da doença, segundo balanços divulgados pela pasta naquela década. No entanto, em 1988, foi contabilizado um total de 85 casos confirmados de meningite, o que representava um aumento de aproximadamente 60% se comparado ao ano anterior.

Em 1989, o número continuou a subir, chegando a 130. Durante uma entrevista em março do mesmo ano, o secretário de Saúde naquela época, Marco Penaforte, afirmou que a quantidade de casos já era esperada. "Não existe o tal surto", declarou em coletiva.

Foi pelo receio de ser contaminado que o empresário Pedro Fiúza, 40, então com oito anos de idade, decidiu utilizar a máscara em sala de aula, apesar de sua escola não ter registrado nenhum caso de meningite. Conforme entrevista concedida ao Diário do Nordeste, em 12 de agosto de 1988, ele explica que tinha "medo de que o bichinho entrasse em seu nariz ou boca e o deixasse doente", chegando a faltar aula por três meses.

Agora, quase 32 anos depois, Pedro revive uma realidade em que o uso da proteção facial se faz necessária. Sendo pai de três crianças - a mais velha com oito anos - o empresário percebe que os filhos lidam melhor com essa mudança durante a pandemia da Covid-19, colocando a máscara “como que no automático” logo ao acordar.

Diário do Nordeste