Índia encontra causa da 'doença misteriosa' que atingiu mais de 600 pessoas

Índia encontra causa da 'doença misteriosa' que atingiu mais de 600 pessoas


Uma doença misteriosa atingiu 600 pessoas na Índia com pelo menos um morto na cidade de Eluru, no estado de Andhra Pradesh. Os doentes foram internados com quadros de náusea, convulsões e desmaios, e, em tempos de novo coronavírus, a preocupação com a evolução de uma nova doença acendeu o alerta.

As autoridades indianas indicaram, porém, que não se trata de nenhum tipo de vírus ou bactéria. Os exames laboratoriais apontam contaminação por alto nível de níquel e chumbo no sangue. Outras duas mortes de pacientes com esse quadro de contaminação foram registradas nos últimos dias, mas os médicos apontam que as causas estão relacionadas a outros tipos de complicações.

O India Institute of Medical Sciences (AIIMS) aponta que o níquel foi encontrado em amostras de leite. O órgão e outros institutos indianos confirmaram, na última quarta-feira (16), que a presença de níquel está relacionada à ingestão de pesticidas que contaminaram o alimento. O mais provável é que o gado tenha sido infectado por resíduos do metal na grama ou em outro alimento que consomem.

O National Institute of Nutrition (NIN) indicou ainda presença do níquel em alimentos outros como carne, frango, peixe, camarão e vegetais. Sobre a presença do chumbo no sangue dos pacientes, continua sendo um mistério. Os órgãos dizem não ter identificado a origem.

As autoridades indianas garantem que não há nenhum caso novo desde domingo e que os pacientes que apresentaram sintomas já foram liberados.

CNN