Após 7 dias no cargo, prefeito de Viçosa do Ceará é diplomado nesta sexta-feira, 8

Após 7 dias no cargo, prefeito de Viçosa do Ceará é diplomado nesta sexta-feira, 8


Após sete dias no cargo, o prefeito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB), será diplomado nesta sexta-feira, 8. Desde o dia 1° de janeiro, quando foi empossado, Firmino e seu vice, Dr. Marcelo (MDB), vivem um impasse jurídico com o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) e a Justiça Eleitoral. Isso porque dias antes das eleições, ainda em 2020, o juiz da 35ª zona eleitoral, Moisés Brisamar Freire, acatou pedido do Ministério Público do Ceará (MPCE) e determinou a cassação do registro de candidatura da chapa emedebista devido a supostas práticas de abuso de poder político e econômico.

Segundo o MPCE, poços profundos foram perfurados às vésperas da eleição para fins de ganho eleitoral. À época, Zé Firmino negou a decisão da Justiça e se disse perseguido.

Ele venceu nas urnas com 51% dos votos, mas continuou considerado inelegível pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e até hoje aparece com candidatura “anulada sub judice" no site da Justiça Eleitoral.

Na última terça, 5, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, determinou, por meio de despacho, a posse imediata do prefeito reeleito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB). A determinação foi publicada com advertência ao juiz eleitoral da 35ª Zona Eleitoral, Moisés Brisamar Freire, responsável pela comarca.

O Povo Online