Em meio à polêmica dos fura-fila, digitadora posta foto sendo vacinada contra Covid-19 em Santa Quitéria; Coordenador de epidemiologia afirma que todos fazem parte da 1° fase

Em meio à polêmica dos fura-fila, digitadora posta foto sendo vacinada contra Covid-19 em Santa Quitéria; Coordenador de epidemiologia afirma que todos fazem parte da 1° fase


Após o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) notificar Santa Quitéria a apresentar o Plano de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, a digitadora do Centro de Saúde Dr. Otávio Lobo, Mariana Martiniano, e filha de Manoel Medeiros Sousa, coordenador de epidemiologia do município, gerou polêmica nesta semana ao postar em seu perfil do Instagram, uma foto sendo vacinada. Após o ocorrido, o portal A Voz de Santa Quitéria entrou em contato com o coordenador para questionar o fato.
 
Medeiros afirmou que trabalhador de saúde não são apenas médicos, enfermeiros ou dentistas. Todos aqueles que trabalham em condições de riscos foram vacinados durante o primeiro lote. O coordenador ainda disse que era necessário falar sobre isso, já que Secretaria de Saúde estava trabalhando para atender as demandas. 

“Dentro da nossa prioridade, começamos com as unidades mais críticas com relação ao risco de Covid-19, primeiro pelo SAMU, onde foram vacinados os motoristas do SAMU e das ambulâncias. Depois, ocorreu vacinação no Hospital – inclusive para com os digitadores –. A polêmica agora foi no Centro de Saúde Dr. Otávio Lobo, que na nossa concepção, é o terceiro ambiente mais movimento com presença de pacientes. Coincidentemente a minha filha é a digitadora de lá. Eles recebem agentes de saúde e estão expostos. Nós vacinamos não só os digitadores, mas as meninas que fazem a limpeza, técnicos de enfermagem... Todos! ”, disse Medeiros. 

Em nota divulgada, a Secretaria de Saúde de Santa Quitéria afirmou “estar cumprindo todos os critérios rigorosamente e respeitando as etapas de cada fase do processo”. Ainda na última quarta-feira (27) foi divulgado para a população o plano de vacinação contra a Covid-19.   

Confira a nota