“Já estamos trabalhando no plano municipal de vacinação”, anuncia coordenador da epidemiologia de Santa Quitéria

“Já estamos trabalhando no plano municipal de vacinação”, anuncia coordenador da epidemiologia de Santa Quitéria


Durante a última semana do mês de dezembro, a população de Santa Quitéria recebeu uma testagem em massa para detectar sintomas da Covid-19. Com o fim do mandato de Tomás Figueiredo, uma nova equipe foi colocada à frente da Secretaria de Saúde do município, que recebeu o desafio de reavaliar os testes feitos, além de reforçar a conscientizar dos cuidados. Em entrevista ao A Voz de Santa Quitéria, Manoel Medeiros Sousa, coordenador da epidemiologia da cidade conversou sobre os dados obtidos e principalmente, como a população pode ajudar no combate da proliferação da doença. 

Ao ser questionado sobre os testes feitos em dezembro, Medeiros afirmou que recebeu um levantamento da prefeitura, mas que ainda não catalogou toda a contagem. Portanto, os resultados serão analisados e logo após, divulgados. 

Ainda no balanço das comemorações de fim de ano, o coordenador anunciou que desde o dia 1° de janeiro, foram notificados 21 suspeitos com Covid-19. Ele ainda reafirmou que não se sabe do estado na zona rural, devido à dificuldade de transporte. Dois dos 21 casos, já foram descartados. 

Sobre as novas iniciativas de combate a proliferação da doença, Medeiros disse que a Prefeitura já iniciou um processo de capacitação para todos os profissionais de PSE, principalmente aqueles da Zona Rural, que utilizarão de kits na região para atender a população local. O coordenador também enfatizou que o Centro Covid continua aberto, em todos os dias úteis e qualquer pessoa com sintoma, deve comparar ao local para um acompanhamento. 

Por fim, Medeiros ressaltou que a Secretaria de Saúde já está trabalhando em um plano municipal de vacinação contra a Covid-19 e anunciou que Santa Quitéria já recebeu uma câmera fria para receber as vacinas que serão disponibilizadas para atingir toda a população. “Quero chamar a atenção mais uma vez, ainda não é momento de desprezar os cuidados, pessoal. Ficamos muito tempo reclusos e usando máscaras, falta pouco. Ainda não é momento de afrouxar as medidas”, finalizou.