Tomás Filho deixará diretoria da Agência Nacional de Mineração após dois anos

Tomás Filho deixará diretoria da Agência Nacional de Mineração após dois anos


O presidente Jair Bolsonaro decidiu indicar para uma vaga na diretoria da Agência Nacional de Mineração (ANM) o atual gerente regional substituto da autarquia Guilherme Santana Lopes Gomes. A nomeação, que será submetida a apreciação do Senado, foi publicada no Diário Oficial da União, de acordo com a agência Reuters.

Lopes Gomes assumirá a cadeira na diretoria da agência reguladora no lugar de Tomás Antônio Albuquerque de Paula Pessoa Filho, cujo mandato de dois anos terminou.

Criada no fim de 2017, a ANM assumiu as funções exercidas pelo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), vinculado ao Ministério de Minas e Energia e responsável pela outorga e fiscalização das concessões minerais no país.