Após polêmica no BBB21, Ciro Gomes ensina a fazer o verdadeiro cuscuz nordestino

Após polêmica no BBB21, Ciro Gomes ensina a fazer o verdadeiro cuscuz nordestino


Pré-candidato a presidente da República pelo PDT, Ciro Gomes tem se aproveitado de alguns assuntos que ganham destaque nas redes sociais para aumentar sua popularidade. Foi o caso da "polêmica" entorno do cuscuz - prato tipicamente nordestino -, protagonizada pelo ator e cantor paulista Fiuk e pela advogada paraibana Juliette, no reality show Big Brother Brasil. Ele tentou fazer uma farofa utilizando flocão de milho cru, o que deixou a sister indignada. Chegou a dizer que o verdadeiro cuscuz é branco e doce.

A participante tentou ensiná-lo a fazer da maneira correta, mas o ator apresentou resistência. Ela até chorou de tanta raiva pelo que tinha acontecido. "Você não sabe o quanto cuscuz salva uma vida, de verdade. Minha gente, o preço de um cuscuz deve ser um real e pouco e rende um dia inteiro de alimentação".

Ciro Gomes, que é paulista, mas veio criança para o Ceará, publicou poucos dias depois um vídeo em suas redes sociais com a receita, e colocou a mão na massa. "A tarefa de unir o Brasil não é fácil, porque são muitos 'Brasis'. Então, a grande polêmica hoje é o cuscuz. É preciso conciliar, primeiro, o português. Cuscuz é uma coisa, e cuscuz marroquino é outra. Farofa de milho é outra", explica.


Em seguida, o ex-governador do Ceará fala os ingrediente e o modo de fazer: "Cuscuz, esse cuscuz aqui no Brasil, que nós herdamos dos índios, é basicamente o seguinte: duas xícaras de fubá ou farinha de milho pré-cozido. Fubá, como a gente chama, enfim, é o milho moído e tal. Água: uma xícara de água. Uma pitada de sal. Aqui, eu já botei a cuscuzeira, ou seja, o lugar onde se faz cuscuz, par esquentar a água até esse limite aqui. Na verdade isso aqui vai inchar, como a gente fala no Ceará, por 10 minutos".

O POVO Online