Cantor cearense é assassinado a tiro em frente ao próprio comércio

Cantor cearense é assassinado a tiro em frente ao próprio comércio


O músico Johnny Lima, 33 anos, foi morto a tiro quando chegava em seu estabelecimento comercial no Bairro Jereissati II, no município de Maracanaú, na madrugada desta sexta-feira (19).

A Secretaria da Segurança Pública informou que o crime aconteceu em frente ao imóvel duplex onde funcionava o bar do músico na parte de baixo e a residência dele na parte de cima.

De acordo com testemunhas, Jhonny guardava a motocicleta dele no bar quando um homem em outra moto chegou ao local, abordou Johnny e atirou. O disparo atingiu o peito do músico, que morreu no local. O suspeito fugiu em seguida.

Agentes da Polícia Militar e da Perícia Forense foram acionados e fizeram os primeiros levantamentos sobre o caso, que será investigado pelo Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa da Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

Uma das linhas de investigação da polícia é que possa ter sido um latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

G1 - CE