Chuva abre cratera e casas são esvaziadas no litoral cearense

Chuva abre cratera e casas são esvaziadas no litoral cearense


Duas residências tiveram moradores evacuados e o Centro Municipal de Artesanato foi isolado por risco de desabamento após o aumento da cratera formada no município de Beberibe, litoral do Ceará, nesta sexta-feira (26). Três barracas foram atingidas com acúmulo de areia.

Conforme a Prefeitura de Beberibe, a erosão de terra ocorreu por conta do grande volume de chuvas na região nos últimos dias. Com as chuvas da última madrugada que continuaram pela manhã desta sexta a erosão se agravou.

Beberibe registrou nesta sexta-feira 75 milímetros de chuva, conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Ainda segundo o órgão, na quinta-feira (25), o município teve a maior chuva do Estado, com 127,2 milímetros, no intervalo de 7h de quarta-feira (24) até 7h de quinta.

Equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania e da Defesa Civil visitaram o local nesta manhã, segundo a prefeitura, e retiraram duas famílias de casas localizadas na parte de baixo da barreira, devido o risco de desabar areia em cima das residências.

A primeira família, composta por um casal será abrigada na casa de parentes. Para a segunda família, dois adultos e duas crianças, a Prefeitura afirma que está providenciando o aluguel social.

Além disso, uma equipe da Superintendência de Obras Públicas do Governo do Ceará (SOP) está no local com maquinário e realiza a contenção interna da cratera com pedras.

Abertura da cratera
A prefeita do município, Michele Queiroz, visitou a área com engenheiros da Superintendência de Obras Públicas do Governo do Ceará (SOP) que realizaram uma avaliação técnica.

No mesmo dia, foram iniciadas medidas urgentes de contenção com a colocação de sacos de areia e lona no local, que já havia sido isolado pela Defesa Civil.

Ponto turístico da cidade, o mirante do Morro Branco fica próximo ao centro de artesanato e era bastante frequentado por turistas antes do período da pandemia.

G1 - CE