COLUNA: Surpresas e decepções; acompanhe a situação dos clubes brasileiros na Libertadores

COLUNA: Surpresas e decepções; acompanhe a situação dos clubes brasileiros na Libertadores


A Copa Libertadores da América 2021 ainda está na sua 2ª rodada, mas alguns times já vêm se sobressaindo em relação a outros. Enquanto Flamengo e Palmeiras fazem campanhas condizentes com as expectativas impostas em cima de si, o São Paulo, cercado de incertezas, também vem mostrando bom futebol e já “ilude” seus torcedores espalhados pelo Brasil. 

Estão bem, mas não podem se acomodar
O time carioca, com duas vitórias em dois jogos, acumula 6 pontos e lidera seu grupo (G). Um jogo aconteceu fora de casa, com o Rubro-Negro virando o placar no 2º tempo, e o outro aconteceu no Maracanã, quando, na ocasião, goleou o Unión La Calera por 4 a 1. Rogério Ceni, apesar de muito criticado, vem dando resultados junto a sua equipe. Éverton Ribeiro vem decepcionando. O meia pode até ser vendido para o mundo árabe na próxima janela de transferências.

O São Paulo também está 100% na competição, com as mesmas duas vitórias. Se você considerar um placar de 3 a 0, goleada, então o time paulista também já o fez nessa edição da Liberta. Fato é: foram dois jogos tranquilos para o torcedor do São Paulo, que se encontra em “lua de mel” com o time e o treinador, Hernán Crespo. Crespo chegou com moral e mudanças no esquema do tricolor paulista. Passou Daniel Alves para a ala esquerda e “fez” Pablo retomar seu bom futebol. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Agora, vamos falar do Palmeiras, outro brasileiro que também venceu as duas na Copa e vem liderando, de forma isolada, o Grupo A. O time de Abel Ferreira, atual campeão da Liberta, vinha sofrendo algumas criticas dos torcedores nas redes sociais, que chegaram até a ameaçar um pedido de saída do treinador. Dessa vez, não tem questão de considerar, ou não. Palmeiras Goleou (com g maiúsculo) o Independiente del Valle, fazendo 5 a 0 em casa. O alviverde, que se acostumou com um time consistente, na última temporada, vem sofrendo uma certa “turbulência”, mas nada muito fora do controle. 

A Grande Surpresa
A surpresa maior fica por conta do Fluminense, que lidera o “grupo da morte” da Libertadores 2021. O elenco que mescla, muito bem, a experiência com a juventude, está na frente de equipes como River Plate, Santa Fé e Junior Barranquilla, que juntos compõem o Grupo D da competição. Apesar de estar indo muito bem, não é tão tranquila a vida do Time de Guerreiros. Com uma vitória e um empate, o clube carioca está com o mesmo número de pontos que o River. 

Precisa acordar
Clube Atlético Mineiro, O Galo, foi um dos times que mais investiu para essa temporada e, na principal competição do ano, ainda não mostrou realmente para o que veio. Cuca, o técnico da equipe, é diariamente criticado pelos torcedores mineiros, que “pedem sua cabeça” desde sua chegada. Não é que o Galo esteja mal. É que se pensa que poderia estar muito melhor, com um futebol que chamasse atenção, devido ao número de reforços e a qualidade dos mesmos. 

Têm que engrenar logo
Os últimos dois participantes, e que fazem as participações mais frias, até aqui. São Internacional e Santos. O primeiro, é bem verdade que lidera seu grupo, mas empatado em pontos com os outros três times de seu grupo (chega a ser cômico). O time do Rio Grande do Sul ganhou uma partida e perdeu a outra. Já o Santos realmente ainda não emplacou (e nem parece que vai) na competição. Com duas derrotas, o alvinegro praiano faz a pior campanha de um brasileiro no campeonato. 
A 3ª rodada da Copa Libertadores acontece no próximo meio de semana e é a chance de alguns brasileiros manterem o bom nível, e outros mostrarem para o que vieram.