Grupo rouba carro de aplicativo, faz motorista refém e colide ao fugir da Polícia

Grupo rouba carro de aplicativo, faz motorista refém e colide ao fugir da Polícia


Quatro pessoas foram capturadas, na Barra do Ceará, após um assalto que resultou em uma perseguição policial, na madrugada de domingo (04) para esta segunda-feira (05). Por volta das 0h, o grupo armado roubou o carro de um motorista de aplicativo, manteve o profissional refém e realizou outro assalto. Ao fugirem da Polícia, os suspeitos colidiram o veículo em um táxi e em um muro de uma casa da região.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que equipes do 20º Batalhão da Polícia Militar do Ceará (PMCE) patrulhavam o bairro quando escutaram disparos de arma de fogo. Os agentes receberam informações de que um assalto tinha ocorrido momentos antes e iniciaram as diligências. 

Os policiais avistaram o veículo roubado e iniciaram o acompanhamento tático. O condutor do carro não obedeceu aos comandos da Polícia e perdeu controle do veículo durante a fuga. Segundo a SSPDS, dois adultos e dois adolescentes foram capturados após a perseguição. 

Colisão
De acordo com o taxista cujo veículo foi atingido, ao empreenderem fuga, os suspeitos entraram pela contramão na Rua Graça Aranha e colidiram com o táxi, parado na via. O veículo do motorista de aplicativo chegou a capotar.

O taxista relata estar dormindo quando ouviu um estrondo e foi ver o que aconteceu. "Quando eu olhei perto do portão, tinha muita Polícia e meu carro estava fora do lugar, quase na avenida, e o carro capotado, de aplicativo", conta. "Só sei dizer que foi horrível".

Ainda conforme o taxista, o carro dele não tem seguro. Já o motorista de aplicativo, segundo ele, conduzia veículo de locadora de automóveis, a qual será buscada com o intuito de cobertura dos danos causados na ação. "Estou parado, né, não tem passageiro, não tem nada", disse.

Além dos dois carros, o muro de uma casa foi danificado no acidente. O proprietário do imóvel, contudo, ainda não foi localizado.

Mais um assalto
O grupo confirmou participação no crime e informou que havia praticado um assalto já com o carro roubado e o motorista feito refém no banco traseiro.

Durante a captura dos suspeitos, foram encontrados um revólver calibre .38 com quatro munições, uma máquina de cartão, duas carteiras, quatro cartões magnéticos, dois aparelhos celulares, um relógio dourado, um capacete, um boné e a quantia de R$ 191 em espécie.

Os adultos foram identificados Jonas Vitor Cardoso Cavalcante, 19 anos, com passagem por roubo, e José Alan Bento do Nascimento, 20 anos, com antecedentes por porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio. Ambos receberam voz de apreensão e prisão.

Um dos adolescentes, ambos com 17 anos, já tinha atos infracionais pelos crimes de roubo, roubo de veículo, receptação, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e homicídio. Os envolvidos na ação criminosa foram levados até a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), para prestar esclarecimentos.

Foi registrado ato infracional análogo ao crime de roubo com restrição de liberdade. Já os adultos foram autuados pelo mesmo crime, acrescido à corrupção de menores. As vítimas, por sua vez, foram à unidade policial para prestar depoimentos e reaver os bens roubados.

Diário do Nordeste