Filha adolescente de PM morto é apreendida suspeita de ser mandante do crime

Filha adolescente de PM morto é apreendida suspeita de ser mandante do crime


Uma adolescente de 15 anos foi apreendida após a morte do pai dela, um sargento da reserva da Polícia Militar da Bahia (PMBA), em Tucano, a 270 quilômetros de Salvador. Conforme a Polícia, ela é suspeita de ser mandante do crime, ocorrido no último domingo (09). 

O agente, identificado como Pedro Xisto Oliveira de Souza, foi assassinado dentro de casa, na Rua Ribeira do Pombal, Centro, Distrito de Caldas do Jorro. Sem ter a identidade revelada, o namorado da filha do PM foi preso em flagrante, também por suspeita de envolvimento no crime, cuja motivação ainda é desconhecida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com o delegado Paulo Jason Mello, coordenador da 25ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Euclides da Cunha), o crime teria sido realizado por um homem que está sendo buscado pelas equipes.

O namorado da adolescente relatou que o autor do crime entrou na casa com a ajuda da filha do PM, que teria aberto a porta da residência. Ainda de acordo com ele, a garota mostrou ao criminoso onde a pistola do pai — usada no crime — estaria guardada. A quantidade de tiros, contudo, não foi detalhada.

A Polícia afirmou que a adolescente será encaminhada ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) para que as medidas pertinentes sejam tomadas. Já o namorado dela ficará à disposição da Vara Crminal. A Corporação já expediu as guias periciais e está investigando os motivos do crime.

Diário do Nordeste