Arara fecha registro e deixa terminal de ônibus sem água; veja o vídeo

Arara fecha registro e deixa terminal de ônibus sem água; veja o vídeo


Era 6h desta terça-feira (22) quando os funcionários e usuários do terminal de ônibus Nova Bahia, na região norte de Campo Grande, encontraram as torneiras secas. Por causa da falta de água, uma equipe da Agência de Trânsito (Agetran) foi acionada para investigar e sanar o problema. Quando os funcionários chegaram, viram que uma arara-canindé era quem teria provocado o "problemão".

O chefe da divisão de transporte público da Agetran, Anderson Carlos Alves da Silva, foi quem fez o vídeo da ave fechando o registro da água que abastece o terminal. Ele contou que esperava qualquer outra problema, menos uma arara interrompendo o abastecimento de água aos 9 mil usuários, em média, que passam pelo terminal todos os dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Aos risos, Anderson disse ao G1 que não é a primeira vez que recebe reclamações da falta de água no terminal. Como a manutenção é feita diariamente, o chefe da divisão foi investigar de onde estava surgindo o desabastecimento. "Um dos funcionários já tinha me falado que tinha uma arara bebendo água próximo ao registro. Quando subi para ver, lá estava ela, a arara e filmei", explicou.

Anderson disse que não associou imediatamente a arara ao fechamento do registro. Ele só percebeu depois de rever a gravação das imagens. "Ela [arara] estava no registro tomando água e o terminal sem nenhuma gota. No momento que fomos ver o registro de fornecimento de água, não estava passando água. No que a gente subiu, na hora que o funcionário passou a mão no registro a água voltou. No que abriu, a água voltou no terminal inteiro. Foi aí que lembrei da arara, era ela", relembrou.

Anderson disse que poucas pessoas acreditaram no que ele contou. Segundo ele, se não fosse o vídeo, a história só passaria de um boato. "Eu fui contar para o pessoal e ninguém acreditou. Acharam que era brincadeira. Eu achava que ia ser qualquer outra coisa, nunca achei que seria uma arara".

Reforço para evitar nova falta de água
Agora, o chefe da divisão de transporte público da Agetran disse que terá que reparar os danos ocasionados pela arara. "Vamos ter que resolver tudo, porque ela vai voltar. Eu vou ter que fazer a troca do registro e colocar outro diferente para que a ave não possa fechar", finalizou.

Assista o vídeo:


Portal G1